Conheça os sintomas da febre amarela

por Equipe Sulmed, 2017-02-10

Conheça os sintomas da febre amarela
O ano de 2017 iniciou com o decreto de situação de emergência em saúde pública do Ministério da Saúde devido ao surto de febre amarela. Em Minas Gerias apenas no início do ano 47 mortes ocorreram devido à doença, assim como outros 152 casos foram notificados. Entenda quais são os sintomas e como prevenir-se.
O vírus da febre amarela é transmitido por mosquitos infectados. Ela se apresenta em duas formas: urbana, quando é transmitida pelo Aedes aegypti; e silvestre, quando transmitida pelo Haemagogus e Sabethe. Os casos registrados recentemente são os silvestres.
Entre os sintomas estão febre alta, calafrios, cansaço, dor de cabeça, dor muscular, náuseas e vômitos, podendo durar até três dias. A doença ataca diversos órgãos, sendo os alvos principais o fígado, os rins e o cérebro. A forma mais agressiva da doença pode causar insuficiência hepática e renal, icterícia (olhos e pele amarelados), hemorragias (com sangue na urina, fezes e vômito) e encefalopatia (confusão mental e danos cerebrais que pode levar ao coma).
A orientação do Ministério da Saúde é que a prevenção deve ser feita através da vacinação. Crianças a partir de nove meses de idade que vivem nas áreas endêmicas ou viajarão para essas regiões já podem ser vacinadas. Após os cinco anos de idade, uma dose única da vacina já é o suficiente para que a pessoa fique imunizada para o resto da vida. Porém, segundo o calendário nacional de vacinação, são recomendadas duas doses: sendo a primeira aos noves meses de idade e depois um reforço aos quatro anos.
Apesar disso, é importante estar alerta às contraindicações da vacina: apresenta riscos para quem possui baixa imunidade e alergia a ovo, podendo causar reações alérgicas, no sistema nervoso central e o desenvolvimento da própria doença. Por isso, pessoas com câncer, portadoras do HIV, crianças com menos de seis meses, grávidas e idosos devem procurar um médico antes de se vacinarem.

Fonte: Blog do Ministério da Saúde

0 comentários para o post "Conheça os sintomas da febre amarela"

Comente