Doença de Parkinson: Dia Mundial conscientiza sobre os sintomas

por Equipe Sulmed, 2017-04-13

O dia 11 de abril é marcado por ser a data Mundial de Conscientização sobre a Doença de Parkinson. Descoberta há cerca de 200 anos, a doença neurológica pode acometer pessoas de qualquer idade, tanto  em  homens quanto em mulheres, sem distinção de grupos étnicos ou classes sociais. É uma doença degenerativa e com causa desconhecida.

Entre os sintomas estão tremores, lentidão dos movimentos, rigidez muscular. Com a evolução da doença também costumam aparecer sintomas como inclinação do corpo mais pra frente, passos curtos, redução do movimento dos braços ao caminhar. Também se incluem dificuldade de deglutir, dores musculares, redução da capacidade de sorrir, perda da motricidade fina, ansiedade, confusão, intestino preso e outros.

As causas do surgimento da doença estão ligadas à destruição lenta e progressiva das células que produzem dopamina no cérebro. Sem a dopamina, as células nervosas dessa parte do cérebro não podem enviar mensagens corretamente. Isso leva à perda da função muscular. O dano piora com o tempo. O que leva à destruição ainda não está totalmente esclarecido, mas pode envolver fatores genéticos (algumas mutações genéticas parecem aumentar o risco de doença) e ambientais (exposição a determinadas toxinas ou fatores ambientais podem aumentar o risco).

O diagnóstico da Doença de Parkinson pode, às vezes, precisar de tempo para ser feito. É muito importante estar atento aos primeiros sintomas, já que a incapacidade grave pode acontecer no período entre 10 e 15 anos após o seu surgimento. Para o diagnóstico, é possível que médico recomende consultas regulares com um neurologista para avaliar a condição e os sintomas do paciente durante um tempo para, só depois, fazer o diagnóstico.

 

Fonte: http://www.blog.saude.gov.br/

0 comentários para o post "Doença de Parkinson: Dia Mundial conscientiza sobre os sintomas"

Comente